visitas

domingo, 28 de março de 2010

Desenho animado: Don Dorakyura (Don Drácula)

Saudações, andarilhos da noite!

Ultimamente ando encontrando muitas animações envolvendo vampiros. Estou achando muito interessante ver como até mesmo nos desenhos animados os sugadores de sangue se encaixam tão bem.

Nesta postagem, abordo mais um desenho animado com as aventuras focadas nos vampiros, o desenho chama-se "Don Dorakyura (Don Drácula)".

Desenho animado bastante antigo, mais precisamente, criado no ano de 1982, no Japão, produzido por Jin Productions, e criado por Osamu Tezuka, artista bastante conhecido e respeitado principalmente pela sua grande criação, o "Astro Boy".



Os episódios são coloridos, com aproximadamente 20 a 30 minutos cada, inicialmente transmitido na TV Tokyo. Sendo transmitido no Brasil nos anos 80 pela Rede Manchete e nos anos 90 pela CNT.
No Brasil chegou a ser lançado em 1987 um VHS com alguns episódios da série.
Foram produzidos apenas 8 episódios, já que a produtora que tinha o contrato para produzir os episódios infelizmente faliu.

Sinopse:

Don Dracula e sua filha Sangria, juntamente com seu fiel mordomo Igor, mudam-se para Nerima (Tokyo/ Japão) afim de escapar de seus caçadores, deixando para trás sua terra, a Transilvânia.
Porém, o caçador, Prof. Rip Von Helsing não desistiu de caçá-los e encontra as criaturas na cidade japonesa. Helsing, da Holanda, já teve algumas chances anteriores de acabar com Don Drácula, porém, sempre em momentos de estresses, o caçador é acometido por uma forte dor de barriga, que o obriga a correr atrás de um banheiro.

O morceguinho estranho Kômori Yasubee é quem traz as explicações para o público conforme o episódio vai acontecendo.
Nessa cômica aventura há mais um personagem sempre presente, a gorducha Blonda, que busca de qualquer forma que o vampiro Don Drácula sugue seu sangue, porém o mesmo tem como lema, apenas sugar sangue de garotas bonitas.

Episódios:

1 - O caçador chegou
2 - Cuidado com o vampiro
3 - O gigante que vendeu sua alma
4 - A aliança dos monstros
5 - O vampiro vai à escola
6 - O vampiro e as feras
7 - A grande trapaça
8 - O alho, a cruz e o dentista


Esta série animada, apesar de antiga, é muito boa. Transmite bem o estilo anime visto até hoje e que estão bastante na moda aqui no Brasil.
A estória claramente apresenta semelhanças com a famosa criação de Braim Stocker "Dracula", só que esta semelhança é apresentada de forma cômica.
Talvez, um dos episódios que mais marcou a todos que já assistiram a série foi o episódio 6 "O vampiro e as feras", no qual vemos dois filhotes, um de panda e um de tigre, morrerem após serem alvejados por tiros de caçadores.

Eu não me lembrava dessa série animada. Procurando pela net acabei me deparando com ela e assisti alguns episódios e gostei demais. Acho que está entre as animações de vampiros mais legais que existem, logicamente quando falamos no estilo cômico.

Se não conhece, procure assistir, vale muito a pena.


Curtiram a dica? Comente ao final desta postagem.

Somos imortais por natureza, e imortalizados nas escritas dos homens.

Abaixo, assista a abertura do desenho animado "Don Dorakyura (Don Drácula)".

video

quinta-feira, 25 de março de 2010

Desenho Animado: Mona le Vampire (Mona a vampiro)

Saudações, amigos e amigas da escuridão!

Como estão?

Nesta postagem apresentarei à vocês mais um desenho animado com alguma ligação envolvendo vampiros.

O desenho animado em questão é intitulado "Mona Le Vampire (Mona, a Vampiro)".








Desenho animado canadense voltado ao público infantil, com idioma original em inglês, com episódios de aproximadamente 30 minutos.

Lançada por volta de 1999, dirigido por Louis Piche e Jean Caillon. Inicialmente a série foi baseada em outra série chamada "Robyn le Vampire".
A série possui em média 65 episódios divididos em quatro temporadas.

No Brasil já fez parte da programação dos canais: Record, Cartoon Network, Boomerang e TV Cultura.

Sinopse: (Sinopse apresentada no site da TV Cultura)

Conheça as histórias de uma menina chamada Mona, que acredita ser uma vampira e sempre dá uma de detetive. Ela usa dentes caninos reluzentes e sempre está vestida com uma capa feita da cortina da sala de jantar. Nas aventuras, ela conta com a ajuda da turma - como o gato vampiro, o menino Dentuço, o melhor amigo Charlie e a melhor amiga Lily - para achar as soluções de estranhos mistérios que atormentam a sua cidade. Mas como a protagonista tem uma imaginação fértil, o público infantil nunca se sabe o que é realidade ou fantasia.
Repleto de ação, este seriado não só diverte, mas educa os espectadores. Crianças de todas as idades vão se divertir e aprender muito com a série, que traz as aventuras de Mona sempre em apuros para combater o mal. A cada episódio, a vampira aprende uma nova lição.

É interessante ver como os vampiros aparecem em todos os cantos do mundo, em todo tipo de mídia e também voltados a todas as faixas etárias, como neste caso, para o público infantil.
Porém, este desenho não me agradou muito. Não me empolgou, e também, tirando a fantasia da personagem, praticamente nada mais no enredo tem ligação com vampiros.


Ainda prefiro a animação "Ernest, o Vampiro", comentado em outra postagem aqui no blog CRIATURAS DA ESCURIDÃO.

Deixo a dica aqui para vocês. Procurem assistir alguns episódios para opinarem.

Já conhecia esta série? O que achou, gostou? Comente ao final desta postagem.


A eternidade não só nos traz sabedoria, mas também paciência. Provavelmente por isso somos excelentes caçadores. Esperamos o momento certo para aniquilar nossas vítimas.

Abaixo, assista um vídeo abertura do desenho animado "Mona Le Vampire (Mona, a Vampiro)"

video

domingo, 21 de março de 2010

Banda: Vamps

Saudações, noturnos!

Já há algum tempo não apresento uma banda nova com temática vampírica.
Recentemente conheci a banda que será tema desta postagem, ela é intitulada "Vamps".

Banda japonesa, lançada em 2008, formada por Hyde e KAZ, que já haviam trabalhado juntos anteriormente. A banda teve turnê pelo Japão já em 2008, com o intuito de destacar mais a banda, e levar ao conhecimento do público.




Pelo selo Vamprose lançou o albúm com o nome da banda "Vamps" (2009) além de alguns singles e dvds da turnê japonesa e norte-americana. A banda classifica seu som como "rock alternativo".

Formação da banda:

Hyde - Vocal e guitarra
Kaz - Guitarra
Ju-Ken - Baixo
Arimatsu - Bateria
Jin - Teclado

Setlist do albúm "Vamps":

01 - Bite
02 - Love Addict
03 - Cosmos
04 - Secret In My Heart
05 - Evanescent
06 - Vampire Depression
07 - Redrum
08 - Deep Red
09 - I Gotta Kick Start Now
10 - Time Goes By
11 - Sweet Dreams
12 - Hunting
13 - Sex Blood Rock´n Roll

Letra:

"Vampire Depression"

I'm walking through your world
enduring several thousand years
I sustained
life from my immortality

Watching you, the folly of the human
indiscriminately kill
justifying endless wars

I have traded the light
in exchange for this life from the dark

Just blind me Set me free
Just blind me Set me free Just blind me!

The height of absurdity
you people calling me the devil
but I can't
carry out your self destruction

There is never meaning
history goes on repeating I can't look

Just blind me Set me free
Just blind me Set me free Just blind me!

There is never meaning
history goes on repeating I can't look
Anymore anymore

Just blind me Set me free
Just blind me Set me free Just blind me!

Tradução:

"Depressão Vampírica"

Eu estou andando em seu mundo
Durante vários milênios
Eu sustento
A vida com minha imortalidade

Assistindo vocês, a tolice dos humanos
Matando indiscriminadamente
Justificando as guerras intermináveis

Eu negociei a luz
Em troca desta vida de escuridão

Apenas me cegue, me liberte
Apenas me cegue, me liberte! Me cegue

O cúmulo do absurdo
Vocês me chamando de demônio
Mas eu não posso
Executar sua auto-destruição

Nunca há sentido
A história continua se repetindo, não posso olhar

Apenas me cegue, me liberte
Apenas me cegue, me liberte! Me cegue


Nunca há sentido
A história continua se repetindo, não posso olhar
Não mais, não mais

Apenas me cegue, me liberte
Apenas me cegue, me liberte! Me cegue


Não sou um grande conhecedor de bandas de rock japonesa, porém, esta me chamou atenção por usar como tema os vampiros, apesar que nem em todas as letras se percebe essa temática, assim como nos clipes, pelos que vi não apresentam uma linguagem mais sombria.
Não é um som muito pesado, do estilo que gosto, porém há momentos que apresenta um vocal mais puxado, talvez em uma tentativa de gutural.
Não conheço a banda há muito tempo. Procurei bastante informações na net, mas para os fãs da banda, caso vejam algum equívoco nas informações apresentadas aqui na postagem, por favor deixem um comentário.

Para conhecer um pouco mais do som da banda, visite o myspace: http://www.myspace.com/vampsofficial

A dica está ai. Acho interessante conhecerem, e perceberem que apesar de ser uma banda japonesa, não apresenta nada que diferencie das diversas bandas norte-americanas.

Conhecia a banda? Conhece outra banda com o mesmo estilo? Comente ao final desta postagem.

Vampiros trazem morte, sofrimento e tristeza... Mas para poucos sortudos, trazemos a imortalidade.

Abaixo, veja clipe da banda "Vamps", da música intitulada "I Gotta Kick Start Now".

video

quinta-feira, 18 de março de 2010

Kampos no Twitter

Saudações, notívagos!

Como estão?

Pois é... Não resisti... Acabei criando um twitter para mim!!

O twitter é uma boa forma de passar as novidades em poucas palavras, unido aos blog, nos quais tenho mais espaço para complementar melhor as informações!

Convido todos a me seguirem no twitter. Nele estarei diariamente postando, principalmente novidades relativas ao VIDA DE LEITURISTA, CRIATURAS DA ESCURIDÃO e do meu livro "Vinganças de Sangue", e lógico de todos novos trabalhos que vierem a acontecer.

Aguardo todos me seguindo no twitter, ok?! ;)....

Quem quiser, me siga no twitter: www.twitter.com/kamposss

O maior truque de um vampiro é a imagem serena que ele pode passar antes de mostrar sua verdadeira face!

domingo, 14 de março de 2010

Desenho animado: Ernest - Le Vampire

Saudações, noturnos!

Eis mais uma postagem focando as criaturas sugadoras de sangue, os Vampiros!
Nesta postagem, apresento à vocês um desenho animado que muitos podem até não conhecer, mas o pessoal de mais de 25 anos deve lembrar.
A animação é intitulada "Ernest - Le Vampire".

Animação francesa criada em 1988, por François Bruel.
Teve duas temporadas, totalizando 117 episódios.
Foram lançados dvds com as temporadas, porém aqui no Brasil nunca soube se foi lançado.






O desenho tem como personagem principal Ernest, um vampiro de grandes presas, grandes mesmo! que sempre tem pesadelos. Os episódios apresentam esses pesadelos que sempre são bem surreais e no final, Ernest acorda assustado em seu caixão, voltando a dormir novamente.
O desenho é simples, sua temática também, com aproximadamente 2 minutos e 30 segundos em cada. Não apresenta muitos sons, mais a música de acompanhamento mesmo.

Episódios:

1º Temporada:

001. Le premier rendez-vous d'Ernest
002. Ernest déjeune
003. Ernest va aux cabinets
004. Les dents d'Ernest
005. Portraits de famille
006. Ernest et le fantôme
007. Ernest musicien
008. Ernest fait le ménage
009. Ernest jardinier
010. Ernest prend son bain
011. Le réveillon d'Ernest
012. Ernest peintre
013. Ernest patineur

2º Temporada:

014. Les nouvelles canines d'Ernest
015. Ernest et l'œuf
016. Ernest en ballon
017. Ernest couvreur
018. Ernest et la taupe
019. Ernest prestidigitateur
020. Ernest et le château de cartes
021. Ernest nettoie les oubliettes
022. Ernest et l'aspirateur
023. Ernest décroche la lune
024. Ernest et son reflet
025. Ernest et l'escalier
026. Ernet marionnettiste
027. Ernest joue à cache-cache
028. Ernest et le photographe
029. Ernest fait la lessive
030. Ernest et le papier peint
031. Ernest veut mincir
032. Ernest et la bibliothèque
033. Ernest fait des crêpes
034. Ernest et la pipe du grand-père
035. Ernest pêche à la ligne
036. Ernest sculpteur
037. Ernest paléontologue
038. Ernest soigne sa calvitie
039. Ernest et la machine à coudre
040. Ernest enrhumé
041. Ernest et les gargouilles
042. Ernest et le couvercle du cercueil
043. Ernest et le coffre à jouets
044. Ernest horloger
045. Ernest fait du body-building
046. Ernest et les fausses dents
047. Ernest fait du camping
048. Ernest et le costume neuf
049. Ernest et l'automate
050. Ernest et le pivert
051. Ernest et le chauffage central
052. Ernest et les citrouilles
053. Ernest et la momie
054. Ernest et le vase
055. Ernest et les plantes vertes
056. Ernest et la belle inconnue
057. Ernest et le petit train
058. Ernest et le labyrinthe
059. Ernest et les grenouilles
060. Ernest et la sorcière
061. Ernest et la plante carnivore
062. Ernest et l'ail
063. Ernest remplace son cercueil
064. Ernest et le croque-vampire
065. Ernest et l'extra-terrestre
066. Ernest et le tricot
067. Ernest et les touristes
068. Ernest et le déluge
069. Ernest et son rival
070. Ernest se dispute
071. Ernest Holmes
072. Ernest fait du char à voile
073. Ernest a le hoquet
074. Ernest photographe
075. Ernest et le château de sable
076. Ernest et les ombres chinoises
077. Ernest a une sciatique
078. Ernest bûcheron
079. Ernest et le tome deux
080. Ernest et la tempête de neige
081. Ernest ramoneur
082. Ernest plombier
083. Ernest et le loup-garou
084. Ernest et les dentiers
085. Docteur Ernest & Mister Hideux
086. Ernest et le chaton
087. Ernest et la porte des enfers
088. Ernest danseur de claquettes
089. Les oreilles d'Ernest
090. Ernest et le coq
091. Ernest a mal aux dents
092. Ernest et son ombre
093. Ernest fait la sieste
094. Les mille et une nuits d'Ernest
095. Ernest et le trésor
096. Ernest et l'élixir de jouvence
097. Ernest et les corbeaux
098. Ernest voyage dans le temps
099. Ernest et les interupteurs
100. Ernest et le pont-levis
101. Ernest et les voisins
102. Ernest et le vaisseau fantôme
103. Ernest émigre
104. Ernest vampire d'acier
105. Ernest et le parquet ciré
106. Ernest spéléologue
107. Ernest et le concurrent sidéral
108. Le Noël d'Ernest
109. Ernest et l'ascenseur
110. Ernest va à la ville
111. Ernest et le corbillard
112. Ernest et le chewing-gum
113. Ernest et la bande dessinée
114. Ernest et l'imposteur
115. Ernest et le moulin
116. Ernest et le téléphone
117. Ernest et le moustique

(Informação sobre as temporadas retirada do site wikipédia).

Aqui no Brasil, os episódios foram transmitidos pelo programa infantil Glub-Glub, em meados dos anos 90, pela TV Cultura.
O desenho, até por ser muito simples, não é muito conhecido e por isso, há poucas informações na net. Mas isso não quer dizer que o mesmo seja ruim, pelo contrário.
Eu sempre adorei os desenhos desse programa, e claro, Ernest era um dos meus favoritos.


Essa dica vale ser conferida, e tenho certeza que irão curtir essa temática mais surreal envolvendo um vampirinho.

Já assistiu? Gostou? Comente ao final desta postagem.

Ah, criei um twitter para mim... Pois é, não resisti!!.... Quem quiser, me siga no twitter: www.twitter.com/kamposss

Se temos algum destino, esse só pode ser trazer o caos e a morte!

Abaixo, assista o segundo episódio do desenho animado "Ernest - Le Vampire", intitulado "Ernest déjeune".

video

quinta-feira, 11 de março de 2010

Hora do Suspense na 5º Feiro do livro de Poços de Caldas


Saudações, andarilhos da escuridão!

Aproveito esta postagem para reforçar meu convite para todos comparecerem no dia 26 de abril de 2010 no bate papo intitulado "Hora do Suspense", que ocorrerá as 19 horas e 30 minutos, no Espaço Cultural da Urca, aqui em Poços de Caldas/ MG.

Farão parte da mesa de bate papo: Eu (Kampos) que sou autor do livro "Vinganças de Sangue", lançado em novembro de 2009, pela editora CBJE; Juliano Sasseron, autor do livro "Crianças da Noite", pela editora Novo Século; Walter Alvarenga, autor do livro "Meu encontro com Drácula" e Chico Lopes, que entre seus trabalhos, há as traduções de livros, como por exemplo, "Morto até o anoitecer", de Chalaine Harris.

O bate papo será focado em vampiros, não só na literatura, mas em todo modismo dos últimos tempos sobre o tema.
Será uma conversa descontraída e que, com certeza, bastante interessante para os amantes da literatura fantástica, envolvendo as criaturas sugadoras de sangue.

Mais perto do evento, voltarei a reforçar o convite.

A 5º Feira do Livro de Poços de Caldas ocorrerá entre os dias 24 de abril de 2010 a 02 de maio de 2010, no Espaço Cultural da Urca, em Poços de Caldas/ MG.

Para conhecer mais sobre a programação da feira, visite o site oficial: http://www.feiradolivropocosdecaldas.com.br

Seremos cruéis, impiedosos, seremos seu fim, seremos o puro ódio!

domingo, 7 de março de 2010

Documentário: "The Many faces of Christopher Lee (As várias faces de Christopher Lee)"

Saudações, seres da noite!

Pela primeira vez irei comentar aqui no blog sobre um documentário ligado à Vampiros.

Este documentário é dedicado ao grande ator Christopher Lee que interpretou diversos personagens, entre eles, e principalmente, o Conde Drácula, personagem o qual o ator interpretou muitas vezes e que lhe trouxe muita fama nos cinemas.

O documentário chama-se "The Many faces of Christopher Lee (As várias faces de Christopher Lee)".





O documentário de 1996, pela London Films e produzido por Lumiere, dirigido por Collin Webb, classificado como "Terror", tem aproximadamente 90 minutos, incluindo o próprio documentário apresentado por Christopher Lee, filmografia do ator, alguns trailers de filmes, incluindo "Dracula - Prince of Darkness (Dracula - O Príncipe das Trevas)" de 1966, fotos, além de dois clipes musicais com participação do ator.

O ator Christopher Frank Carandini Lee, mais conhecido como "Christopher Lee" é inglês, nascido no dia 27 de maio de 1922. Um grande ator, não só por sua estatura (1,96m) mas também por toda sua carreira cinematográfica, que começou por volta de 1948, na qual ficou mais marcada pelos trabalhos feitos pela Produtora Inglesa, já citada tantas vezes aqui no blog CRIATURAS DA ESCURIDÃO, a Hammer Productions, principalmente por suas atuações como o Conde Drácula, em diversos filmes.

Sinopse:

"Descoberto nos teatros londrinos, o ator Christopher Lee tornou-se um dos maiores ícones do Cinema de Horror de todos os tempos. Em produções como "O Homem de Palha", "O Cão dos Baskervilles", "Fu-Manchu", "Rasputin" e, principalmente, a série de filmes sobre o personagem Drácula, produzida pela britânica Hammer Films, o astro pode mostrar toda sua versatilidade em vários clássicos filmados em toda a Europa e Estados Unidos.
Christopher Lee temia que sua imagem ficasse eternamente ligada ao vampiro de Bram Stoker, o que se tornou inevitável. Mas, Christopher Lee é mundialmente conhecido por inserir aos personagens que interpreta uma forte carga dramática."

Alguns filmes de vampiros nos quais Christopher Lee participou:

Dracula (1958)
Dracula - Prince of Darkness (1966)
Dracula Has Risen from the Grave (1968)
Count Dracula (1970)

Este documentário é mais do que justo ao grande ator Christopher Lee, que pôde ele mesmo comentar sobre sua carreira e acontecimentos, citando diversos filmes nos quais participou.
Além de um ótimo ator, Christopher Lee apresenta uma voz potente e por isso, atacou como cantor. No DVD vemos dois clipes que ele canta com uma banda. Com todo o respeito, por melhor que ele cante, os clipes são bem trashs, indo contra a imagem que temos do ator, porém vale a pena assistir até mesmo os clipes para ouvir sua voz.
Assim como o ator Bela Lugosi, Chistopher Lee merece seu destaque como um dos melhores Conde Drácula de todos os tempos.

Uma grande crítica que tenho a fazer sobre este DVD é que ele anuncia não só o documentário sobre Christopher Lee, mas também um documentário sobre a Hammer Productions, porém, no meu DVD (Original) não há esse outro documentário intitulado "Drácula e os Mortos-Vivos".
Se alguém tiver este dvd, me diga se está assim também.

O que achou do documentário? Conhece mais documentários de atores que encarnaram vampiros nos cinemas? Conte-nos após esta postagem.

Temos aparências diversas, podemos ter um rosto mais senero ou mais carrancudo, mas em nosso interior ainda somos criaturas de alma condenada.

Abaixo, assista a um techo do documentário "The Many faces of Christopher Lee (As várias faces de Christopher Lee)".

video

quinta-feira, 4 de março de 2010

Poesia de minha autoria 6

Saudações, caros notívagos!

Como estão?

Faz tempo que não crio uma postagem com alguma poesia minha, por isso decidi dedicar esta postagem a isso.

Como já disse em outros postagens de poesias, busco escrever de forma simples e compreenssiva.
Nada muito enfeitado. E lógico, adoro escrever sobre o tema "vampiros".

Espero que gostem!

Também escreve poesias? O que achou desta? Comente ao final da postagem.

Desalmados, monstros, criaturas do mal... Muitos são os adjetivos dados à nós, mas isso não importa. Independente de como nos chamam, seu fim será a morte!


Kampos

Criatura de olhar sinistro
Vazio
Sorriso macabro
Caninos compridos
Pele pálida
O que quer comigo?
Meu sangue?
Minha alma?
Será um castigo?

Se aproxima
Sinto seu frio
Dentes cravados
Dor latente
Aos poucos sucumbindo

Tenho minhas respostas
Tenho meu fim.
 
BlogBlogs.Com.Br